ERC: Nikolay Gryazin vence na Letónia e conquita o título U28

Nikolay Gryazin venceu, hoje, dia 14, o Rally Liepaja, na Letónia. No segundo posto ficou Chris Ingram e no terceiro lugar Fredrik Âhlin. Nikolay Gryazin que conquistou também o título U28, a bordo do seu Skoda Fabia R5, representado pelas cores do SRT. 

Na qualificação, realizada na sexta-feira, foi também Nikolay Gryazin a vencer. Já no segundo e terceiro lugar a ordem inverteu-se, em relação à classificação final do rali. Ou seja, Fredrik Âhlin ficou em segundo na qualificação e Chris Ingram fez o terceiro tempo, todos eles em Skoda Fabia R5. 

Logo nas três primeiras classificativas do rali que os três primeiros pilotos assumiram logo os lugares, não se alterando até ao final da prova. O vencedor acabou o rali com uma vantagem de mais de 43 segundos, em relação ao segundo classificado.

Neste rali, Nikolay Gryazin conquistou o título U28. Este, é um campeonato no qual os pilotos, inscritos no europeu de ralis, conquistam, caso tenham até 28 anos. Digamos que é um campeonato júnior, como assistimos no Campeonato de Ralis da Madeira. Por coincidência, os pilotos que terminaram no pódio estavam todos a tentar vencer esse título. 

NO ERC2, foi Sergei Remennik quem venceu, a bordo do seu Mitsubishi Lancer EVO X, apesar dos problemas sentidos na direção hidráulica. O seu principal adversário, e vencedor do título de ERC2 deste ano, Tibor Érdi Jr, competiu, nesta prova, com um Skoda Fabia R5. Érdi que terminou no 11º lugar à geral na estreia com um carro da categoria R5.

Nesta prova, o título de ERC LADIES, destinado às pilotos do sexo feminino, foi conquistado pelo piloto Emma Falcón, a bordo do Peugeot 208 R2. Apesar de não ter garantido a vitória do trofeu neste rali, o segundo lugar bastou para conquistar este título. Quem venceu foi Catie Munnings, também com uma viatura semelhante, representando as cores da PEUGEOT RALLY ACADEMY. Para esta prova, a espanhola, recém campeã, trocou o seu Citroen DS3 R3T pelo Peugeot 208 R2. 

NO ADAC OPEL RALLYE JUNIOR TEAM foi o sueco Tom Kristensson a vencer. O campeão deste trofeu monomarca deste ano, Mārtiņš Sesks, não conseguiu acompanhar, nesta prova, Kristensson. Sesks que venceu também o título de ERC3, a bordo do seu Opel Adam R2. 

Em ERC3, o terceiro lugar foi ocupado por Miika Hokkanen. O piloto, a bordo de um Peugeot 208 R2, entrava para esta prova no oitavo lugar e, pelo excelente resultado na prova, terminou o campeonato no sexto lugar, em ERC3. Quem também fez uma boa prova foi o jovem Roland Stengg, que conquistou o seu melhor resultado de sempre no Europeu de Ralis Junior U27. Destaque para Klausz que, graças à ajuda do público, conseguiu retirar o carro da vala onde ficou preso e terminar o rali no sexto lugar no ERC Junior U27 e no ERC3, embora tivesse perdido cerca de vinte minutos. 

A prova da Letónia encerrou as contas do Campeonato Europeu de Ralis 2018, no qual Alexey Lukyanuk conquistou o título, a bordo do seu Ford Fiesta R5. 

Texto: Celso Teixeira
Share on Google Plus

MaisRalis

Envie suas noticias para maisralis.madeira@gmail.com

0 comentários:

Postar um comentário