Madeira, Rali de São Vicente: 4 R5 atacam prova inaugural

A pouco mais de duas semanas para o arranque da temporada 2019 do Campeonato da Madeira de Ralis, com a realização do Rali Município de São Vicente nos dias 15 e 16 de Março, tudo indica que teremos um leque de pilotos e viaturas de luxo, no que toca à luta pela vitória final.

A umas semanas atrás, as confirmações dos principais protagonistas da principal competição automóvel na região eram escassas, e deixava antever alguma falta de competitividade bem como a ausência de viaturas da categoria R5 para apimentar a luta pelo ceptro regional.

Neste momento existe uma lufada de ar fresco a pairar no Campeonato da Madeira de Ralis, com as confirmações dos seus projetos por parte de Alexandre Camacho, Miguel Nunes e Pedro Paixão no que toca à época integral de ralis, e juntamos a este trio João Silva, pelo menos no Rali de São Vicente será uma presença a saúdar por parte dos amantes da modalidade.

Alexandre Camacho e Team Vespas apostam na revalidação do título:

A aposta mantém-se no bem sucedido Škoda Fabia R5 da equipa italiana da Delta Rally, com a dupla a ser composta por Alexandre Camacho e Pedro Calado no ataque ao ceptro regional. O atual campeão regional de ralis entra em 2019 de olhos postos no sexto título regional da modalidade.

Miguel Nunes renova aposta no Hyundai i20 R5:

Piloto da TOMIAUTO ataca pelo segundo ano consecutivo o Campeonato da Madeira de Ralis, voltando a ter ao seu lado João Paulo a bordo do Hyundai i20 R5. Miguel Nunes só agora viu a luz ao fundo do túnel após confirmação dos seus parceiros, e a novidade irá cifrar-se na viatura sul-coreana, ao qual será alvo de evoluções no motor e suspensões.

Pedro Paixão e a nova aposta no Fabia R5:

O jovem e promissor piloto madeirense faz em 2019 uma aposta arrojada no regional de ralis, ao trocar o Renault Clio R3 pelo bem competitivo Škoda Fabia R5. De certo que Pedro Paixão será uma dor de cabeça para os seus rivais, mas em muito enriquecerá a competitividade na luta pela vitória final. Os problemas no Fabia R5 estão ultrapassados, isto porque antes da Rampa da Ponta do Sol, piloto e máquina estiveram em testes, onde foi idenficado uma anomalia na máquina Checa, que obrigou a deixar de fora da prova organizada pelo Clube Desportivo Nacional. Pedro Paixão fará novamente dupla com Jorge Henriques.

João Silva de olhos postos em São Vicente:

De todos os pilotos que mencionamos, João Silva é o único que ainda não garantiu a sua presença assídua no Campeonato da Madeira de Ralis, mas em São Vicente irá fazer-se à estrada, apostando no Citroën DS3 R5. O vice-campeão de ralis nada tem ainda em concreto relacionado com o seu futuro na modalidade, mas podemos apurar que na prova inaugural terá ao seu lado Ana Sofia Correia.

Nesta altura são estas informações que podemos avançar no que toca aos principais protagonista do Campeonato da Madeira de Ralis,  e iremos a espaços lançando na nossa página as novidades das restantes equipas que compõem o parque automóvel no regional de ralis.

Share on Google Plus

MaisRalis

Envie suas noticias para maisralis.madeira@gmail.com

0 comentários:

Postar um comentário