CPR, Rali Castelo Branco: Ricardo Teodósio "Estou convencido de que estaremos na luta pela vitória"



Ricardo Teodósio e José Teixeira abrem a fase de asfalto do Campeonato de Portugal de Ralis como líderes absolutos da competição.

Dupla do Škoda Fabia R5 venceu em Castelo Branco em 2018 e volta a apostar na luta pela vitória no próximo fim de semana. Quinta prova da temporada, o Rali de Castelo Branco é um evento que traz boas recordações a Ricardo Teodósio, que venceu a prova albicastrense em 2018 ao volante do Škoda Fabia R5.

Uma performance que abre boas perspetivas ao atual líder do CPR, embora o percurso do rali tenha sido completamente reformulado para este ano. “Estamos muito motivados para o início da fase de asfalto e o Rali de Castelo Branco pode ser um ponto importante na nossa época”, afirmou o piloto da Guia. “Depois da fase de terra, vamos testar esta segunda-feira no asfalto e tentar encontrar um bom set up, já que o campeonato deste ano está muito competitivo e é importante estarmos confiantes no carro para atacar. Estou convencido que estaremos novamente na luta pela vitória”, concluiu Ricardo Teodósio, que este ano já venceu o Rali Serras de Fafe e o Rali de Mortágua, além de ter obtido mais dois pódios do CPR nos Açores e no Rali de Portugal.

José Teixeira explicou que “este Rali de Castelo Branco deverá ter um percurso completamente diferente do de 2018, embora deva ser o rali mais rápido da época. Vamos fazer um teste na segunda-feira e depois é importante fazer um bom trabalho nos reconhecimentos da prova, para chegarmos ao rali confiantes e bem preparados. O nosso grande objetivo é reforçar o comando do CPR em Castelo Branco”, referiu o navegador algarvio.

Organizado pela Escuderia Castelo Branco, a quinta prova do CPR começa este sábado (22 de junho), com duas passagens pela especial de Vilas Ruivas (16,31 kms) e uma passagem por Foz do Cobrão (14,67 kms), a que se segue uma dupla passagem pela Super Especial “Reconquista” (2,02 kms). No domingo (23 de junho), os concorrentes terão duplas passagens pelas classificativas de Paiágua – Pé da Serra (12,59 kms), Dáspera – Sesmo – Salgueiral (12,24 kms) e Santo André das Tojeiras (13,96 kms), que perfazem o total de 128,91 quilómetros cronometrados.

Share on Google Plus

MaisRalis

Envie suas noticias para maisralis.madeira@gmail.com

0 comentários:

Postar um comentário